sexta-feira

É um ciclo vicioso. Tudo vem para ficar, até as folhas de Outono que ficam no teu coração. Pensas que nunca mais vais ver nem tocar mas acabas sempre por voltar a quem gostas. Há qualquer marca, qualquer símbolo que te puxa para essa pessoa. Essa pessoa que te deixa sem cabeça. Essa pessoa que te faz duvidar de ti mesma mas também te dá a certeza de quem és. Gostas de voltar porque és bem acolhida. E gostas de sentir porque é coisa real e verdadeira. Às vezes precisas do teu espaço mas mesmo assim invades o dele, desejas que ele seja só para ti, em todas as circunstâncias. És meiga e fria. Mas sabes que és real. E sabes que (até) tem sentido.

Tu és assim, Daniela.

1 comentário: