segunda-feira


Nestes dias, nestas marés, nestas tempestades, és a sonhadora mais linda que já vi, mimi. Ensinas-me a cor da esperança, a cor do limite, a cor da ausência do chorar, alivias-me com o teu abraço e sonho todos os dias com a tua alma de fada, o teu jeito mais lindo do mundo, a tua voz mais meiga do mundo, eu quero agradecer-te do fundo, minha mãe, o que me fazes, o que me transmites e fazes perceber. Um rapaz só é rapaz importante quando é objectivo e adulto. Não sou mais feliz nem mais aliviada por passar grande parte do tempo a chorar nem a lamentar-me, isso já era, antigo coração podre, felizmente ganhei outra filosofia ainda mais jovem que eu. Nem os outros têm de levar comigo nem eu tenho de levar com esta coisa estúpida. Ignorar é a melhor solução.
Tudo se irá resolver, quando ambos crescermos e seremos os mais felizes do mundo. Não vou chorar nem fazer nada. Estou ciente do que sentes e queres e estou ciente do meu acreditar. Amo-te.

2 comentários:

menina luisinha disse...

que texto mais lndo, mais teu e dele. que perfeito. es mesmo querida. :)

made in ♥ love disse...

sente-se o teu texto...

Um beijinho
Eduarda
Be in ♥ love